Fotografo: Divulgação
...
A aeronave está fazendo proteção em áreas de proteção ambiental

Com a chegada do tempo mais quente do ano no Piauí, os números de incêndios e queimadas aumentam em todo o estado. O Corpo de Bombeiros atende em média de 12 a 15 ocorrências somente de incêndios, por dia. A corporação tem intensificado o trabalho em parceria com a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar) e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio) no sul do estado, cobrindo áreas de São Raimundo Nonato, Parque Nacional Serra da Capivara, Serra das Confusões e comunidades vizinhas.

Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Carlos Frederico, recentemente foi realizada uma reunião para atualização de focos de incêndio em vegetação dessa região. “Traçamos estratégias específicas incluindo o uso de aeronave no combate a incêndios e monitoramento dos parques”, destaca o gestor.

A aeronave está fazendo proteção em áreas de São Raimundo Nonato, Parque Nacional Serra da Capivara e comunidades vizinhas, como a Mucambo, situado no corredor ecológico entre o Parque Nacional Serra da Capivara e Parque Nacional Serra das Confusões.

Ainda segundo informações do comandante, foi realizada uma operação na Serra dos Carias, entre os municípios de Parambu e Pimenteiras, na divisa do Ceará e Piauí. “Devido à grande proporção dos focos de incêndio e da área queimada, se fez necessária a atuação conjunta de bombeiros militares do estado do Ceará (unidades de Tauá, Crateús e Canindé) e Corpo de Bombeiros do Piauí. A operação foi encerrada com sucesso”, explicou Carlos Frederico.