Fotografo: Divulgação
...
Tocha Olímpica chega ao Piauí

A diretora da Escola Estadual Augustinho Brandão, em Cocal dos Alves, Aurilene Vieira de Brito, está entre os dez primeiros condutores do Revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016, pessoas que representam a excelência e a essência dos brasileiros. A chama Olímpica chega ao Brasil nesta terça-feira (3), para uma jornada de 95 dias por mais de 300 cidades.

O grupo ainda tem nomes como a bicampeã Olímpica Fabiana Claudino, o campeão mundial de surfe Gabriel Medina, o matemático Artur Ávila Cordeiro de Melo, condecorado com a Medalha Fields, e a menina Hanan Khaled Daqqah, de 12 anos, refugiada síria que vive no Brasil, percorrerá a parte inicial do revezamento na cidade.

Aurilene Vieira de Brito enfrenta as dificuldades diárias de educar estando em um dos 30 municípios do Brasil com o pior do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Ainda assim, a professora conseguiu colocar sua escola entre as melhores no Ensino Médio no país, ao vencer a defasagem educacional dos alunos e conquistar dezenas de medalhas em Olimpíadas de Matemática e Química. Aurilene sintetiza a determinação dos brasileiros e comprova que a educação é capaz de superar barreiras econômicas e regionais. Por isso, a escola é a primeira no país a conduzir a Tocha e sua representante é a 5ª da relação geral.

Até 5 de agosto, dia da cerimônia de abertura dos Jogos Rio 2016, eles, como os 12 mil indicados, têm uma mesma missão: conduzir a Tocha Olímpica Rio 2016 para anunciar a chegada dos primeiros Jogos Olímpicos do Brasil e da América do Sul. A chama dos Jogos vai pedir passagem, gerar energia e contagiar o país e o mundo com o ideal Olímpico.  Da CCOM, com informações de Rio 2016