Fotografo: Ascom Seduc
...
Corujão atrai centenas de estudantes

Com caneta e o caderno de questões na mão, milhares de estudantes deixaram os solitários estudos noturnos, na última quinta-feira (31), para acompanhar as dicas finais dos professores em mais de 10 horas de conteúdo, na última revisão Pré-Enem Seduc do ano, intitulada Corujão da Vitória, realizada no Theresina Hall. A iniciativa finaliza o cronograma de revisões preparatórias realizadas pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc) ao longo do ano, com 33 revisões na capital e interior, auxiliando os alunos a revisar os conteúdos das disciplinas cobradas no exame e também motivando-os.

O secretário da Educação, Ellen Gera, esteve na revisão incentivando os alunos presentes e falou sobre o trabalho da Seduc com o Corujão da Vitória, que encerra a maratona de revisões realizadas pela equipe do Pré-Enem. “Hoje, concluímos uma maratona, alcançando a marca de 33 revisões realizadas neste ano, tanto na capital e no interior, levando a mensagem de preparação para o Enem. A revisão Corujão da Vitória, com 10 horas de conteúdo e a cobertura completa dos principais itens que são cobrados no Enem, encerra essa ação. Os professores fizeram uma seleção minuciosa dos itens que podem ser cobrados na prova, então estamos confiantes e com certeza os estudantes que aqui vieram terão sucesso nas provas”, pontuou Ellen Gera.

Das 20 horas da noite do dia 31 de outubro até as 6 horas da manhã do dia 1º de novembro, mais de cinco mil alunos acompanharam as aulas de Biologia, Espanhol, Filosofia, Sociologia, Física, Geografia, História, Linguagem Corporal, Linguagens, Literatura e Artes, Matemática, Química e Redação, com transmissões ao vivo pelo Canal Educação, TV aberta e rádio.

A revisão iniciou com a apresentação da banda de fanfarra do Ceti Darcy Araújo e, além do conteúdo repassado de forma leve nas disciplinas, a equipe do Pré-Enem Seduc realizou, no intervalo entre as aulas, diversas atividades junto aos alunos com interações lúdicas para descontrair a tensão que antecede a prova.

À frente das interações, o coordenador do Pré-Enem Seduc, professor Wellington Soares, ressalta que o número de alunos participando reforça o saldo positivo das ações da Seduc na preparação dos estudantes. “O Corujão da Vitória com esta quantidade de alunos hoje significa dizer que a revisão já faz parte do calendário educacional do nosso Estado. O êxito vem também do apoio do secretário da Educação Ellen Gera, que está engajado participando das revisões e proporciona toda infraestrutura. Esse projeto de inclusão universitária iniciado em 2003 chega ao seu ápice e os alunos começam a perceber que têm resultado diante das aprovações”, disse o coordenador.

Caravana de estudantes

Além dos estudantes da rede pública de ensino, o Corujão da Vitória recebeu também alunos oriundos da rede particular, rede federal da Grande Teresina e de outros municípios como Parnarama e Poção de Pedras, situados no estado do Maranhão.

Participando pela primeira vez de uma revisão que adentra a madrugada, a estudante Andreia Braga veio com a caravana da 18ª Regional Estadual de Educação. Com os colegas de classe da U.E. Raimundo Pessoa, localizada na cidade de Monsenhor Gil, Andreia afirma estar gostando da experiência de estudar em grupo por horas seguidas. “É a minha primeira vez na revisão e estou gostando, pois eu tenho facilidade de aprender os assuntos discutindo sobre eles, e com o auxílio do professor podemos entender melhor alguma questão que em casa teríamos alguma dificuldade. Aqui o texto fica mais didático e tem uma interação entre as aulas que não fica tão cansativo”, disse a aluna.

Já o estudante Carlos Eduardo saiu da cidade de José de Freitas para acompanhar pela segunda vez a revisão. Ele ressalta que a revisão Corujão da Vitória vem somar os conteúdos já trabalhados em sala de aula ao longo do ano. “Durante a preparação na escola trabalhamos assuntos que podem ser vistos no Enem e aqui no Corujão é legal para tirar as últimas dúvidas que possam surgir. Da última vez que participei pude ver algumas temáticas que estavam na prova, então é importante para nós alunos termos uma base de estudos com auxilio dos professores”, destacou o estudante da U.E. Governador Pedro Freitas.

No dia do Enem

As provas do Enem serão realizadas nos dias 3 e 10 de novembro, em 32 municípios do Estado. Para garantir o acesso aos locais de provas, a Seduc entregou aos estudantes o “Passe Livre”. Foram distribuídos mais de 5 mil passes para os alunos de Teresina que prestarão o exame. Os cartões serão entregues, com quatro passagens cada, para os estudantes da 3ª série do Ensino Médio e da 7ª etapa da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

A Seduc também acompanhará os estudantes da rede estadual nos principais postos de aplicação dos Exames. “Agora os alunos, além de todo o suporte de revisão, de canal educação e mediação tecnológica, verão, no dia da prova, que tem uma turma torcendo por eles e isso mexe com o emocional deles de forma positiva”, completa o Wellington Soares.