Teresina(PI), Quinta-Feira, 06 de Maio de 2021 - 04:21
03/03/2021 as 18:49 | Por Amanda Costa | 678
Secretário lamenta vandalismo na árvore penteada e quer punição de responsáveis pela ação criminosa
Em uma ação criminosa, as raízes da Árvore Penteada foram cortadas.
Fotografo: Divulgação
Árvore penteada

No último final de semana, a Árvore Penteada, um dos atrativos turísticos localizado no município de Luís Correia, litoral piauiense, foi alvo de vandalismo. Em uma ação criminosa, as raízes do vegetal foram cortadas. O secretário de Estado do Turismo, Flávio Nogueira Júnior, lamentou o ato e garantiu que acionará as autoridades para apurar o caso.

Segundo ele, trata-se de um crime ambiental e os responsáveis devem ser punidos. “Infelizmente, em meio a uma situação crítica que estamos vivenciando devido à pandemia, ainda nos deparamos com situações como essa, em que nosso patrimônio natural é depredado, alvo de vandalismo. Uma ação sem propósito algum a não ser destruir. Não podemos permitir que isso aconteça”, destacou.

A Secretaria de Estado do Turismo (Setur) acionou a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar) para que possa averiguar o caso. “Por se tratar de um crime ambiental, acionamos a Semar a fim de que possa enviar equipes ao local, averiguar os danos e adotar as providências cabíveis”, informou Flávio Nogueira Júnior.

O vandalismo foi comunicado à Setur pela Prefeitura de Luís Correia que, por sua vez, encaminhou denúncia às autoridades locais. A gerente do Meio Ambiente, Liliana Souza, a secretária Municipal de Turismo de Luís Correia, Marília Passos e o líder comunitário da região, senhor Coré, foram ao local verificar o impacto da ação e adotar as medidas necessárias.

Flávio Júnior destacou que o local onde está localizada a árvore penteada passará por obras de urbanização para garantir uma melhor estrutura aos turistas que frequentam o local. “Diariamente, dezenas de pessoas passam por lá, fazem seus registros nesse cartão postal natural nosso. O espaço já tem projeto para urbanização em que devemos iniciar ainda este primeiro semestre e não permitiremos que ações de vandalismo como essas continuem acontecendo. Nem lá e nem em qualquer outro ponto turístico do nosso Estado. É por isso que, peço aqui a colaboração de todos para preservarmos um patrimônio que é nosso, dos piauienses”, finaliza.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil